sábado, 5 de janeiro de 2008

O MAIS JOVEM A JOGAR UMA COPA DO MUNDO



Norman Whiteside: o caçula das Copas do Mundo




A enquete da vez no blog "Futebol: uma história para contar" perguntava sobre o mais jovem jogador a disputar uma Copa do Mundo. Ao todo votaram 19 pessoas, sendo que 6 pessoas elegeram o atacante inglês Theo Walcott, do Arsenal, como o mais novo da história dos Mundiais com 6 votos (36%). Em seguida vieram o brasileiro Pelé, com 5 (28%), o também brasileiro Ronaldo e o norte-irlandês Norman Whiteside, ambos com 4 (18%).

Desta vez os leitores erraram na escolha. O atleta com menor idade a competir em uma Copa do Mundo foi o atacante Norman Whiteside, que em 1982, na Espanha, entrou em campo com apenas 17 anos e 41 dias. O jogador superou a marca que era de Pelé, em 1958, que estreou com 17 anos e 245 dias. Como curiosidade, o atacante Ronaldo foi à Copa do Mundo de 1994 com apenas 17 anos, mas não entrou em nenhuma partida, assim com Theo Walcott, que foi ao torneio de 2006, na Alemanha, com a mesma idade, mas sequer participou. Desde já agradeço a participação de todos e já os convido a responderem à nova enquete.

Nascido em Belfast, na Irlanda do Norte, em 7 de maio de 1965, Norman Whiteside sempre foi muito precoce quando o assunto era futebol. Ainda garoto, quando jogava pelada com os amigos nas ruas da capital norte-irlandesa, Whiteside chamou a atenção de Bob Bishop, então olheiro do poderoso Manchester United. Logo, com menos de 17 anos, já figurava entre a garotada dos Red Devils.

Sua estréia com a famosa camisa vermelha de Manchester se deu na temporada 1981/82. Já entrava para a história do clube como sendo o mais novo jogador a vestir sua camisa em uma partida oficial, superando o ponta Duncan Edwards, que havia estreado com pouco mais de 17 anos na temporada 1953/1954. Como atacante goleador que era logo sentiu o gostinho de seus primeiros título com o Manchester United: em 1983 já tinha papel preponderante nas conquistas da FA Cup e da FA Charity, quando marcou gol em ambas as decisões.

Após começar a carreira como centroavante, o técnico dos Devils à época, Ron Atkinson, via muito talento em Norman Whiteside para que ele ficasse restrito apenas à grande área adversária. Recuou o jovem jogador para o meio-campo e a mudança surtiu efeito. Dono de muita habilidade e uma grande velocidade, Whiteside não só continuava a marcar seus gols como ajudava os companheiros a fazê-los com freqüência.

Apesar do talentoso jogador que era, Norman Whiteside jogou pelo United na época das "vacas magras", quando o clube não conquistou nenhum título do Campeonato Inglês. Em 1985 conquistou seu 3º troféu: mais uma FA Cup. Entretanto, o norte-irlandês abusava da vida extra-campo - aproveitava muito as noites em Manchester e abusava do álcool em certas ocasiões. Com a saída de Ron Atkinson e a entrada de Sir Alex Ferguson no comando técnico do Manchester, em 1986, a boemia de Whiteside passou a não ser mais tolerada. A partir de então uma série de contusões começava a por fim em sua carreira.

Alex Ferguson, cansado de esperar por Norman Whiteside, decidiu colocá-lo no mercado na temporada 1988/89. O Everton, de Liverpool, levou o menino prodígio para Goodison Park, porém, sem muito êxito. As constantes contusões no joelho não o deixavam atuar com regularidade (13 cirurgias ao todo). Tanto que na temporada 1990/91, com apenas 26 anos de idade, Whiteside dava adeus ao futebol aconselhado pelos médicos do Everton, que diziam que ele corria risco de ter sérios problemas de locomoção no futuro caso continuasse a jogar futebol. Com a camisa azul de Liverpool foram apenas 29 jogos e 9 gols marcados.

Pela seleção da Irlanda do Norte foram 38 partidas e 9 gols ao longo de 7 anos. Como diz o título da publicação, entrou para a história do futebol ao se tornar o mais jovem jogador a participar de uma Copa do Mundo quando, em 1982, na Espanha, entrou em campo com apenas 17 anos e 41 dias na partida contra a Iugoslávia, em Zaragoza (0 a 0), em 17 de junho. Esta também foi sua primeira partida pela equipe nacional.

Após o encerramento de sua carreira, por ironia do destino, Norman Whiteside formou-se médico ortopedista. Hoje trabalha para a Football Association - a federação inglesa de futebol. Além disso apresenta um programa diário de TV à noite desde agosto de 2007.

Abaixo, dados e estatísticas da carreira do jogador caçula das Copas do Mundo:


* Nome: Norman Whiteside.

* Posição: meia/atacante.

* Nascimento: 7 de maio de 1965, em Belfast, Irlanda do Norte.

* Clubes (2): Manchester United (1981/89 - 206 jogos e 47 gols) e Everton (1989/91 - 29 jogos e 9 gols).

* Títulos (3): FA Cup (1983 e 1985), FA Charity (1983).

* Seleção norte-irlandesa: 38 jogos e 9 gols (1982/89).

* Copas do Mundo (2): 1982 e 1986.


Foto 1: Sporting-Heroes
Foto 2: ManutdZone

3 comentários:

Débora disse...

Oi Carlos, parabéns pela idéia do Blog. Estou conhecendo-o somente hoje, mas achei bem interessante. Gostaria de te dar uma sugestão pro todo do site do Blog, tens um e-mail que eu possa te escrever?

Andrea - TVU disse...

Olá Carlos Henrique!!!
Tudo bem?
Lembro que na copa de 94 o pessoal falava que Ronaldo seria o mais jovem... Já que o título conta os dias e tals, vc sabe dizer se Ronaldo seria o mais jovem se tivesse jogado?
Bjo

Pedro Henrique disse...

trecho retirado do wikipedia sobre Jonas Eduardo Américo ( de Jaú, minha cidade!):
Foi o jogador mais novo a ser inscrito numa Copa do Mundo: 16 anos incompletos na Copa da Inglaterra, em 1966.

se quiserem dar uma olhada procuarem por '' Jaú '' no wikipédia e vao na parte de jauenses famosos,
comentem ai, vlw.